Radialista consulta amigos e analisa possibilidade de ser candidato a vereador

O competente radialista Adailton Santana avalia a possibilidade de enfrentar as urnas nas eleições municipais de 2016, em Uauá- Ba. Ele pode, pela primeira vez, ser candidato a vereador. A princípio, Adailton quer ouvir familiares e amigos sobre o projeto.

Ao Portal Uauá, o comunicador, que mora  em Uauá e iniciou os trabalhos de radialista na mesma cidade, e passou por outras rádios do interior da Bahia, como Monte Santo, Casa Nova e Juazeiro,  regressando a capital do bode há um ano, informou que recebeu convite para se filiar a várias agremiações partidárias, que é o começo para disputar o pleito eleitoral, mas que está analisando todas as propostas recebidas.

Para ele, atualmente a política está desacreditada. “Assim como eu, creio que muitos já se perguntaram: por que temos que engolir certas candidaturas a cargos públicos? Muitas dessas pessoas se ‘acham’ capazes de representar alguém, algumas sem o mínimo censo do ridículo, e somente em época de eleição querem que as pessoas as aceitem como candidatos. Talvez esse seja um dos muitos motivos que a política está tão banalizada e em total descrédito”, analisa.

Em Casa Nova, Adailton Santana já contribuiu na campanha de êxito do atual gestor, Wilson Cota, e, por uma ano, assessorou a gestão, e participando efetivamente da vida cotidiana da política, cita como um dos  fatos que o motivou a pensar na possibilidade da disputa eleitoral. “Compreendo a complexidade de uma eleição, afinal estou envolvido nos bastidores não é de hoje. Entendo perfeitamente que nós estamos enojados da política mesquinha e mentirosa que muita gente insiste em enfiar goela a baixo da sociedade, porém acredito que é chegado o momento de tentar mostrar que temos condições de mudar esse quadro”, pondera.

Texto: Carlos Olímpio  – uaua.com.br
 Foto: Arquivo pessoal

Radialista consulta amigos e analisa possibilidade de ser candidato a vereador

O competente radialista Adailton Santana avalia a possibilidade de enfrentar as urnas nas eleições municipais de 2016, em Uauá- Ba. Ele pode, pela primeira vez, ser candidato a vereador. A princípio, Adailton quer ouvir familiares e amigos sobre o projeto.

Ao Portal Uauá, o comunicador, que mora  em Uauá e iniciou os trabalhos de radialista na mesma cidade, e passou por outras rádios do interior da Bahia, como Monte Santo, Casa Nova e Juazeiro,  regressando a capital do bode há um ano, informou que recebeu convite para se filiar a várias agremiações partidárias, que é o começo para disputar o pleito eleitoral, mas que está analisando todas as propostas recebidas.

Para ele, atualmente a política está desacreditada. “Assim como eu, creio que muitos já se perguntaram: por que temos que engolir certas candidaturas a cargos públicos? Muitas dessas pessoas se ‘acham’ capazes de representar alguém, algumas sem o mínimo censo do ridículo, e somente em época de eleição querem que as pessoas as aceitem como candidatos. Talvez esse seja um dos muitos motivos que a política está tão banalizada e em total descrédito”, analisa.

Em Casa Nova, Adailton Santana já contribuiu na campanha de êxito do atual gestor, Wilson Cota, e, por uma ano, assessorou a gestão, e participando efetivamente da vida cotidiana da política, cita como um dos  fatos que o motivou a pensar na possibilidade da disputa eleitoral. “Compreendo a complexidade de uma eleição, afinal estou envolvido nos bastidores não é de hoje. Entendo perfeitamente que nós estamos enojados da política mesquinha e mentirosa que muita gente insiste em enfiar goela a baixo da sociedade, porém acredito que é chegado o momento de tentar mostrar que temos condições de mudar esse quadro”, pondera.

Texto: Carlos Olímpio  – uaua.com.br
 Foto: Arquivo pessoal

Projeto de Lei do deputado Roberto Carlos prevê mais segurança nas escolas‏

Tramita, na Assembleia Legislativa da Bahia, o Projeto de Lei do deputado Roberto Carlos (PDT) que cria a CPEC- Companhia de Polícia Escolar e Comunitária, destinada a garantir segurança no entorno das escolas, paz nas salas de aula e interior das unidades escolares do estado, bem como para fazer intercâmbio com outros órgãos e ONGs para ações de cidadania, cursos, palestras no âmbito educacional.
De acordo com o parlamentar, a instalação das bases comunitárias de segurança é uma ação que será recebida com bons olhos pelas comunidades. “Existe um índice triste de violência nas escolas do nosso estado, além da depredação do patrimônio, dos roubos de equipamentos, máquinas e até da merenda dos nossos estudantes. Tudo isso, sem contar nos enormes prejuízos aos professores, muitos agredidos e estressados, trabalhando sob pressão. As estatísticas mostram muitos professores doentes, depressivos e, na maioria das vezes, afastados do trabalho, dando mais prejuízo ao estado”, disse o deputado Roberto Carlos.
A criação dessa Companhia de Polícia Escolar Comunitária viria amenizar os índices de violência no estado, a partir das escolas, da comunidade. Além de combater a violência, o tráfico e o consumo de drogas nas escolas, ainda, estaria combatendo o crime contra o patrimônio escolar, minimizando os gastos com a reposição de equipamentos, máquinas e até alimentação.

Deputado Roberto Carlos parabeniza Camaçari pela passagem dos seus 257 anos de Emancipação

O deputado Roberto Carlos (PDT), vice-líder do Governo do Estado, na Assembleia Legislativa da Bahia, apresentou uma Moção de Congratulações, parabenizando o município de Camaçari, pela passagem dos seus 257 anos de Emancipação Política.
O Parlamentar, que desenvolve ações que beneficiam ao município, destacou a importância do município para a economia da Bahia. “Quero parabenizar Camaçari por esta data tão importante para o município, que é um dos maiores polos industriais da América Latina, empregando milhares de empregos diretos e indiretos. Precisamos voltar a atenção para Camaçari que gera tanta oportunidade de emprego para os baianos, criando políticas públicas que incentivem esta prática. Quero, nesta importante data, reafirmar o meu compromisso com a cidade e colocar-me à disposição dos munícipes e lideranças políticas na Assembleia Legislativa da Bahia”, disse o deputado Roberto Carlos, que ressaltou, ainda, a importância do turismo para a economia de Camaçari, que possui belas praias e paisagens belíssimas.

Ambulância de Canudos Bahia é tomada de assalto próximo a Uauá

Uma ambulância de placa NZQ 3584 que serve o Município de Canudos, Norte do Estado foi tomada de assalto próximo a cidade de Uauá, neste domingo, 27.

Segundo informações, o condutor da ambulância retornava da cidade de Juazeiro com destino a Canudos, por volta das 20 horas deste domingo 27, quando logo após passar do povoado  Caldeirão da Serra, alguns quilômetros depois, dois homens deram sinal pedindo carona até Uauá, pedido acatado, logo depois, um dos meliantes armados, anunciou o assalto, levaram o motorista para trás do veículo e assumiram a direção, passando com o veículo pelas ruas da cidade e, em algum povoado adjacente acabaram  batendo e abandonando veículo e condutor preso.

O motorista conseguiu quebrar o vidro, saiu do veículo e acionou as autoridades competentes, informando  sobre o ocorrido.

Não havia passageiros e, ou, pacientes. A ambulância foi  recuperada nesta segunda-feira e está no pátio da Depol de Uauá.

Ambulância de Canudos Bahia é tomada de assalto próximo a Uauá

Uma ambulância de placa NZQ 3584 que serve o Município de Canudos, Norte do Estado foi tomada de assalto próximo a cidade de Uauá, neste domingo, 27.

Segundo informações, o condutor da ambulância retornava da cidade de Juazeiro com destino a Canudos, por volta das 20 horas deste domingo 27, quando logo após passar do povoado  Caldeirão da Serra, alguns quilômetros depois, dois homens deram sinal pedindo carona até Uauá, pedido acatado, logo depois, um dos meliantes armados, anunciou o assalto, levaram o motorista para trás do veículo e assumiram a direção, passando com o veículo pelas ruas da cidade e, em algum povoado adjacente acabaram  batendo e abandonando veículo e condutor preso.

O motorista conseguiu quebrar o vidro, saiu do veículo e acionou as autoridades competentes, informando  sobre o ocorrido.

Não havia passageiros e, ou, pacientes. A ambulância foi  recuperada nesta segunda-feira e está no pátio da Depol de Uauá.

SUPERLUA FOI VISTA POR UAUAENSES NESTE DOMINGO

Em virtude de refração de raios solares, a lua pode ser vista na noite desse domingo (27) mais avermelhada e mais próxima da terra.


Muitos uauaenses  apreciaram esse momento e registraram em suas máquinas mais avançadas. De acordo com cientistas o fenômeno somente poderá ser visto em 2033.

SUPERLUA FOI VISTA POR UAUAENSES NESTE DOMINGO

Em virtude de refração de raios solares, a lua pode ser vista na noite desse domingo (27) mais avermelhada e mais próxima da terra.


Muitos uauaenses  apreciaram esse momento e registraram em suas máquinas mais avançadas. De acordo com cientistas o fenômeno somente poderá ser visto em 2033.

Rui Costa entrega 500 casas em Santana do Sobrado, Distrito de Casa Nova

Moradora de uma roça de Juazeiro desde a infância, Eleciene Xavier, 28 dagmaranos, carrega uma barriga de seis meses de gravidez e, nessa fase especial da vida, também realiza o sonho da casa própria. A família dela foi uma das 500 contempladas pelo Programa Minha Casa Minha Vida, com a entrega do Residencial Recanto do Sobrado, na manhã deste sábado (26), no município baiano de Casa Nova, no Norte do estado. A solenidade contou com a presença do governador Rui Costa.

“A gente não tinha dinheiro nem para comprar um terreno, piorou para levantar uma casa. Todo mundo que tem família sonha em ter a própria casa. Está sendo um momento único poder vir morar aqui, maravilhoso”, afirma Eleciene.
Ao todo, quase R$ 25 milhões da União foram investidos no empreendimento, que teve as obras executadas pelo Governo do Estado. DSC 0092Segundo o governador, o programa Minha casa Minha Vida vem garantindo as condições necessárias para que pessoas de pouca renda tenham moradia digna e qualidade de vida.
“Aqui é lugar de família. Só quem já viveu de aluguel conhece o medo de não ter onde morar. No Brasil são mais de 3 milhões de habitações construídas, que têm atendido quem realmente precisa “, disse Rui.
Economia de energia
CasasO empreendimento é composto por 500 unidades habitacionais tipo casa, divididas em dois quartos, sala, banheiro, cozinha e área de serviço, com piso cerâmico em todos ambientes. As mais de duas mil pessoas que vão morar no local ainda têm a disposição espaço de convivência com parque infantil.
Outra novidade é um equipamento de energia solar instalado nos telhados das casas, o que deve garantir a economia para os moradores. “Ganho um salário mínimo e só com o aluguel o dinheiro acabava quase todo. Agora, vou ter minha casa com um custo menor. Além disso, o lugar é lindo, bom de viver”, ressaltou Antônio Carlos da Silva, que trabalha com cultivo de uvas na região.
maezonaPara Maria José dos Santos, de 31 anos, ser contemplada com uma moradia trouxe mais tranquilidade. Mãe de seis crianças e esperando o sétimo filho, ela já pensa em garantir uma vida mais confortável para a garotada. “O dinheiro que entrava saía na mesma hora. A gente gastava tudo de aluguel e alimentação. Espero que tudo melhore para meus meninos”, afirma.
Regularização fundiária
Na oportunidade, o governador Rui Costa também entregou 141 títulos de terra a moradores do Território de Identidade Sertão do São Francisco. Mais de dez municípios da região estão sendo beneficiados. “É um presente de Deus. Vamos poder plantar feijão, batata, tudo que a terra permitir. Era o que faltava para a gente melhorar o sustento”, ressalta Julieta Amorim da Silva, moradora da comunidade de Santa Rita.
A medida faz parte das políticas agrárias implementadas pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), e visa garantir o acesso de trabalhadores rurais a terras como forma de proporcionar a ampliação da produção, além de promover a regularização fundiária de ocupações incidentes em terras públicas estaduais, em áreas rurais.
Fruticultura
normal 1443291264AsaLxoNp 2UkZEHMkNo1Fay8vt0IG2FORRhsM8u7IiGhAinda em Casa Nova, o governador visitou a Fazenda Fortaleza, pertencente ao grupo Grand Valle – empresa especializada em suco e vendas de uva e manga, tendo respectivamente 50 e 200 hectares de plantação. Rui conferiu de perto todo o processo de produção das bebidas. A organização, que conta com apoio do Governo estadual e do Banco do Brasil, emprega mais de 400 pessoas.
Do local Rui seguiu para a vinícola Ouro Verde, de propriedade do Miolo Wine Group, um grande grupo de produção e comercialização de vinho, que emprega 200 funcionários. A empresa contou com incentivos fiscais por parte do Governo da Bahia, que inclusive foi responsável pela construção das vias de acesso.

Fonte: anoticiadovale

Rui Costa entrega 500 casas em Santana do Sobrado, Distrito de Casa Nova

Moradora de uma roça de Juazeiro desde a infância, Eleciene Xavier, 28 dagmaranos, carrega uma barriga de seis meses de gravidez e, nessa fase especial da vida, também realiza o sonho da casa própria. A família dela foi uma das 500 contempladas pelo Programa Minha Casa Minha Vida, com a entrega do Residencial Recanto do Sobrado, na manhã deste sábado (26), no município baiano de Casa Nova, no Norte do estado. A solenidade contou com a presença do governador Rui Costa.

“A gente não tinha dinheiro nem para comprar um terreno, piorou para levantar uma casa. Todo mundo que tem família sonha em ter a própria casa. Está sendo um momento único poder vir morar aqui, maravilhoso”, afirma Eleciene.

Ao todo, quase R$ 25 milhões da União foram investidos no empreendimento, que teve as obras executadas pelo Governo do Estado. DSC 0092Segundo o governador, o programa Minha casa Minha Vida vem garantindo as condições necessárias para que pessoas de pouca renda tenham moradia digna e qualidade de vida.

“Aqui é lugar de família. Só quem já viveu de aluguel conhece o medo de não ter onde morar. No Brasil são mais de 3 milhões de habitações construídas, que têm atendido quem realmente precisa “, disse Rui.

Economia de energia

CasasO empreendimento é composto por 500 unidades habitacionais tipo casa, divididas em dois quartos, sala, banheiro, cozinha e área de serviço, com piso cerâmico em todos ambientes. As mais de duas mil pessoas que vão morar no local ainda têm a disposição espaço de convivência com parque infantil.

Outra novidade é um equipamento de energia solar instalado nos telhados das casas, o que deve garantir a economia para os moradores. “Ganho um salário mínimo e só com o aluguel o dinheiro acabava quase todo. Agora, vou ter minha casa com um custo menor. Além disso, o lugar é lindo, bom de viver”, ressaltou Antônio Carlos da Silva, que trabalha com cultivo de uvas na região.

maezonaPara Maria José dos Santos, de 31 anos, ser contemplada com uma moradia trouxe mais tranquilidade. Mãe de seis crianças e esperando o sétimo filho, ela já pensa em garantir uma vida mais confortável para a garotada. “O dinheiro que entrava saía na mesma hora. A gente gastava tudo de aluguel e alimentação. Espero que tudo melhore para meus meninos”, afirma.

Regularização fundiária

Na oportunidade, o governador Rui Costa também entregou 141 títulos de terra a moradores do Território de Identidade Sertão do São Francisco. Mais de dez municípios da região estão sendo beneficiados. “É um presente de Deus. Vamos poder plantar feijão, batata, tudo que a terra permitir. Era o que faltava para a gente melhorar o sustento”, ressalta Julieta Amorim da Silva, moradora da comunidade de Santa Rita.

A medida faz parte das políticas agrárias implementadas pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), e visa garantir o acesso de trabalhadores rurais a terras como forma de proporcionar a ampliação da produção, além de promover a regularização fundiária de ocupações incidentes em terras públicas estaduais, em áreas rurais.

Fruticultura

normal 1443291264AsaLxoNp 2UkZEHMkNo1Fay8vt0IG2FORRhsM8u7IiGhAinda em Casa Nova, o governador visitou a Fazenda Fortaleza, pertencente ao grupo Grand Valle – empresa especializada em suco e vendas de uva e manga, tendo respectivamente 50 e 200 hectares de plantação. Rui conferiu de perto todo o processo de produção das bebidas. A organização, que conta com apoio do Governo estadual e do Banco do Brasil, emprega mais de 400 pessoas.

Do local Rui seguiu para a vinícola Ouro Verde, de propriedade do Miolo Wine Group, um grande grupo de produção e comercialização de vinho, que emprega 200 funcionários. A empresa contou com incentivos fiscais por parte do Governo da Bahia, que inclusive foi responsável pela construção das vias de acesso.

Fonte: anoticiadovale